xícara - cup - taza - Кубак - vaso - coppa - kopp - الكأس - tasse - beker - fincan - גלעזל - κύπελλο - pehar kupillinen - cawan - kop - koppie - kikombe - chávena



quinta-feira, 3 de abril de 2014

Xícara japonesa

 
Xícara de chá, tem no fundo a marca H, circundada por símbolos orientais. Presente de minha cunhada Lígia. Porcelana branca “casca de ovo", pintada à mão. Do lado de fora, dourada perolada com casinhas amarelas, telhados vermelhos e árvores. Sem pires.

terça-feira, 1 de abril de 2014

Abril de 2014

Que delícia começar o mês com um calendário tão bonito.
Obrigada, mais um vez, Adriana, por este presente.

Xícara brasileira


Tenho esta xícara há 27 anos. Ela é da Porcelanas Schmidt e foi comprada na Loja Moellmann, em Blumenau, SC, em 1987. Porcelana branca, frisos dourados, decalcada com o logotipo da 3ª Oktoberfest-86 na xícara e pires. Traz uma gostosa lembrança de uma viagem muito agradável.

sexta-feira, 28 de março de 2014

Guerra dos sexos


 Na telenovela Guerra dos Sexos, produzida e exibida pela Rede Globo entre 1º de outubro de 2012 a 26 de abril de 2013 (179 capítulos), Glória Pires interpreta uma empresária da área de moda. Em seu escritório ela tem uma sofisticada máquina de fazer café, que é sempre servido em elegantíssimas xícaras de porcelana branca, com alças, suporte e pires em inox.
Segundo o site de vendas da Globo, estas xícaras foram campeãs de vendas durante a exibição da novela. 

Xícara brasileira


Pequena xícara de café da marca Porcelana Bela Vista. Porcelana branca com frisos vermelhos,  decorada com desenho de carneirinho em preto e cinza. Coração e fitas em vermelho. Os desenhos são feitos como se fossem um bordado em ponto cruz.
 
Tenho certeza que as gatinhas vão adorar esses dois modelos de prendedores de cabelo. E não é que as pequenas xícaras ficaram bem charmosas?

sexta-feira, 14 de março de 2014

Xícara japonesa


Xícara de chá pequena, bem delicada. Porcelana "casca de ovo" pintada à mão com flores em laranja, galhos e um pequeno pagode ao fundo. No verso a inscrição "Nipon".

segunda-feira, 10 de março de 2014

Xícara

Xícara 


algo absurdo sem explicação
de uma realidade concretíssima.
uma xícara vazia em uma mesa
solitária e abandonada por especulações metafísicas .
Branca
objeto sem uso, contendo imponderâncias
sem perguntas. Exercendo a presença
diante de niguém.
Branca, vazia e xicara
comunicando disfunções.
Aberta
esquecida em uma mesa,
uma xícara em desuso,
sem deuses para
tomar dela o conteúdo.

Antonio de Souza, poeta pernambucano, 23 de setembro de 2011.
Publicado originalmente no site http://facadax.com/tag/antonio-souza